Flores de Amsterdam


FLORES DE AMSTERDAM 

Sinopse: Um romance contado em prosa e em verso que irá aquecer seu coração. Flores de Amsterdam é a história de Melinda e de sua melhor amiga Eva. Elas se conheceram aos cinco anos de idade e a amizade entre elas duas é o que as fortalece. 

Melinda fora abandonada pela mãe que fugiu com um forasteiro na véspera de seus dezoito anos. Eva não tem mais ninguém nessa vida que olhe por ela, salvo sua melhor amiga Melinda. E juntas embarcam para Holanda, mais precisamente, Amsterdam. 

Em Amsterdam elas constroem suas vidas, são donas do Café & Floricultura que está sempre cheio de turistas do mundo inteiro. E no país das tulipas, elas encontram seus amores. Elas passam por uma grande provação que irá fortalecer mais ainda essa grande relação de amizade. 

Seja testemunha de como o amor e a amizade andam juntas e intensamente nesse romance narrado em prosa e em verso. Mergulhe na vida de Melinda e de seu lindo cavalheiro Felipe. Se encante com a doçura de Eva e seu hipster francês de olhos azuis penetrantes. E acima de tudo, descubra como Melinda e Eva podem te fazer uma pessoa melhor depois de conhecer essa história doce, profunda e um tanto... Poética 

Resenha: Flores de Amsterdam se passa sobre os campos floridos de Amsterdam na Holanda, infelizmente não conheço pessoalmente, mas, só de ler está história e pesquisar um pouco a fundo, me enchi de vontade de conhecer este lugar encantador e apaixonante. Cidade palco de um história sobre amizade, uma amizade pura e inocente entre duas garotas, Melinda e Eva. 

Melinda e Eva, melhores amigas que se conhecem desde seus 5 anos e a partir de então não desgrudaram mais, buscaram na Holanda um refugio. Na véspera de seus 18 anos, Mel (como era chamada pelos amigos) foi abandonada por sua mãe que havia se apaixonado repentinamente, sendo levada a fugir de casa como uma adolescente apaixonada. Como Eva nunca chegou a conhecer seus pais e sua avó que a criou até seus 12 anos já havia falecido, nada a impedia de partir do Brasil com Melinda, sua unica família. 

Mesmo não conhecendo muito bem o idioma, elas conseguem seguir em frente, abrindo o Café & Floricultura e dedicam 6 anos de muito amor à nova vida. As duas vivem grandes amores, Mel quando reencontra seu namoradinho de infância e Eva, quando se apaixona perdidamente pela primeira vez, mesmo sem entender muito bem seus sentimentos, com o apoio da sua melhor amiga, ela se entrega totalmente a esse romance. 

Flores de Amsterdam nos passa uma grande lição de irmandade. Ambas sempre se apoiavam em cada dificuldade, decisão e até mesmo no amor (principalmente Mel, que mesmo querendo o melhor para sua irmã, acaba sentido um pouco de ciumes de compartilhá-la), mas uma tragédia põe essa amizade a prova, nos dando um final totalmente inesperado. 

Quando comecei a ler, cheguei a pensar que se tratava de mais um romance qualquer, ou melhor, comum, mas me enganei, é um romance sim, mas, apesar de não ter o costume de ler este gênero, foi uma leitura muito agradável.

A autora consegue nos passar de uma forma inocente e delicada um história emocionante, uma das coisas que mais me chamou atenção neste livro, foi a forma poeta, entre prosa e versos que era resumia trechos da história, dando um toc perfeito e amável em tudo.

Podemos dizer que o destinos escreve certo por linhas tortas e podemos ter um belo exemplo em Flores de Amsterdam.

Comentários

  1. Oi Mari,
    Toda a atmosfera desse livro me lembrou um chamado Gringos Online. Ele tem características bem parecidas e é bem gostoso de ler. Apesar de não ter lido Flores de Amsterdam, fiquei com a mesma sensação desse outro livro pela sua resenha.

    Parabéns pelo texto.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Oii tudo bem?
    Gostei bastante da premissa do livro, o que é estranho tendo em vista que não acredito no destino. Contudo, com certeza parece ser uma leitura maravilhosa. Espero que um dia tenha a oportunidade de ler. Beijos.

    Blog: Fantástica Ficção

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bom? É muito bom quando lemos um gênero que não temos o costume e o livro nos agrada, né? Também não leio muito romance, mas as leituras do mesmo são sempre boas.
    Adorei a sua resenha, está muito bem feita.

    Beijos
    Amor Literário

    ResponderExcluir
  4. Eitaa, fiquei curiosa! O que aconteceu!!!
    Acho lindos romances com essa pegada de amizade e só por isso já me encantei, mas esse final aí... sinto que precisarei de lencinhos!

    osenhordoslivrosblog.wordpress.com

    ResponderExcluir
  5. A capa desse livro é linda e a história parece ser super fofa. Não sabia do que se tratava a história, mas que bom que a leitura foi agradável para você, sua resenha me deixou com vontade de ler. Parabéns, bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem? (:
    Parece ser um pouco clichê, mas eu gosto de clichês as vezes rsrs Adorei sua resenha, ficou bem explicadinha, me deixou com vontade de ler e conhecer a história.
    Beijos, Yasmim.

    Blog: http://literarte.blog.br/
    Youtube: www.youtube.com/blogliterarte/videos

    ResponderExcluir
  7. Olá! Não conhecia esse livro, que premissa, ein? Eu adoro esses tipos de livros que focam na amizade, sabe? E a história -apesar dos apesares - parece ser bem fofa. Adorei a indicação <3

    Gisele - Abdução Literária

    ResponderExcluir
  8. Oii, adorei a proposta da leitura! Amo romances, ainda mais quando são regados a perdas, reencontros e amizades. Parece ser uma leitura leve e prazerosa.
    Adorei a resenha! Beijos

    ResponderExcluir
  9. Nossa adorei a sua resenha. Transmitiu toda a sensibilidade que o livro parece ter. A capa é linda e a sua descrição tambem me fez ter vontade de conhecer a codade e suas tulipoas maravilhosas.

    ResponderExcluir
  10. Olá! Tudo bem?
    Me emocionei bastante com sua resenha, um livro que parece prender o leitor do começo ao fim. Infelizmente, não conheci ainda Amsterdam porém quero realizar esse sonho. Fiquei igual a você, morrendo de vontade de conhecer esse lugar maravilhoso! Amei sua resenha! Beijos :)

    ResponderExcluir
  11. Olá, que fofura de livro é esse?? Me encantei com essa sinopse e já quero muito ler esse livro. Sobre a resenha , está maravilhosa, cheia de detalhes que nos deixam curiosas e com mais vontade de ler a obra. Prosa e versos são uma mistura perfeita, acredito que esse livro seja bem diferente, gostei. Bjocas e bom domingo. Já estou seguindo o blog.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O Diário de uma Submissa +18

O Resplandecer da Ametista